domingo, 3 de julho de 2011

Arteira sempre arteira até nas férias

Olá minhas amigas,estou com saudades de vocês,ainda por aqui na casa de mamãe,mas como não posso ficar parada,fizemos algumas artes,e contagiei aqui o pessoal...
Estas costurinhas foram feitas pela minha irmã,fui ensinando e ela foi fazendo é muito legal dividir o que sabemos e as ideias vão aparecendo,muitas cabeças pensando as coisas ficam legal

Este  foi o cobre bolo enfeitei com fuxico,fomos fuxicando muito...rsrsrsr

Aqui,os garrafões de vinho que estavam simples para irem talvez para o lixo,transformei assim gostaram?
Esses vidros fiz porta velas,pintando com vitral verde e pintei as velas também,eram simples vidros de paté e cerejas em calda.

Essa toalha cortei o tecido para ficar quadradinho,alinhavei e minha irmã passou na máquina,ficou lindinha

Aqui o garrafão mais de perto,enfeitei com essas fitas,que iam conserteza para o lixo

Esta fita esta com sementes


Este eu fiz para minha irmã postiça a Maria,enfeitei com esse cordel simples mas ela adorou

É isso ai amigas,espero que tenham gostado das minhas artes eu sou suspeita,mas eu amei.
Peço desculpa ,mas não posso deixar comentários nos blogs das amigas,espero que seja passageiro pois estou cheinha de saudades.
Beijos e uma boa tarde

5 comentários:

Tina disse...

Oi Mônica
Fazendo arte aí na casa da mamãe né?
arteira...sempre arteira mesmo...
espero que suas férias estejam sendo de muita alegria...
beijos querida
Tina (SONHAR E REALIZAR)

Dani disse...

lindas ARTES quem me dera que minhas irmãs fizessem artesanato comigo, que privilegio heim!
bjinhosssssss!!!!!!!!!!

Cátia Amélia disse...

Minha querida amiga;tem um Mimo em homenagem ao seu trabalho lá no meu cantinho...é pequeno,mas foi feito com carinho para presentear a ARTISTA que vc é!
Um beijão da amiga cátia
http://catiaartesmanuais.blogspot.com/

Nil Lima da Silva disse...

Oi Monik, como vai querida, já está bem bronzeada???
Quem me dera uma visitinha tão talentosa aqui em casa...rsrssrsr.
Um abração, curta suas ferias e o colinho da sua mãe, que é tudo de bom.
Bja.

Simplesmente Pat disse...

Olhando para as peças penso que não foi as que fizemos, ficaram lindas elas sempre guardarão o prazer destes momentos!

Carlos Drumond de Andrade escreveu:

"Casa arrumada é assim:Um lugar organizado, limpo, com espaço livre pra circulação e uma boa entrada de luz.Mas casa, pra mim, tem que ser casa e não um centro cirúrgico, um cenário de novela.Tem gente que gasta muito tempo limpando, esterilizando, ajeitando os móveis, afofando as almofadas...Não, eu prefiro viver numa casa onde eu bato o olho e percebo logo:Aqui tem vida...Casa com vida, pra mim, é aquela em que os livros saem das prateleiras e os enfeites brincam de trocar de lugar.Casa com vida tem fogão gasto pelo uso, pelo abuso das refeições fartas, que chamam todo mundo pra mesa da cozinha.Sofá sem mancha?Tapete sem fio puxado?Mesa sem marca de copo?Tá na cara que é casa sem festa.E se o piso não tem arranhão, é porque ali ninguém dança.Casa com vida, pra mim, tem banheiro com vapor perfumado no meio da tarde.Tem gaveta de entulho, daquelas que a gente guarda barbante,passaporte e vela de aniversário, tudo junto...Casa com vida é aquela em que a gente entra e se sente bem-vinda.A que está sempre pronta pros amigos, filhos...Netos, pros vizinhos...E nos quartos, se possível, tem lençóis revirados por gente que brincaou namora a qualquer hora do dia.Casa com vida é aquela que a gente arruma pra ficar com a cara da gente.Arrume a sua casa todos os dias...Mas arrume de um jeito que lhe sobre tempo pra viver nela...E reconhecer nela o seu lugar."

Google+ Badge

A minha Lista de blogues