sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Amigas o frio esta demais....

Olá minhas queridas amigas,por aqui muito frio,para vocês terem uma ideia a máxima pra sábado é de oito graus,então resolvi fazer esta mula para mim,quentinho de lã.
Está mesmo frio que tenho andado de boina , luvas e botas.


 Deixo aqui as fotos da mula (assim é o nome desse casaquinho)
Não tirei a foto da parte de traz ,mas esta bonita,ajustada ao corpo e mais comprida,gostei sinto as costas mais quentes e os braços não estão apertados,mesmo estando muito frio não gosto de vestir muita roupa,uso só uma blusa cardada manga comprida e um casaco,e quando estou em casa,esta mula vai dar um jeito,em cima da blusa,pois vou ficar com os braços livres e as costas quentes.
Desejo a todas as amigas seguidoras e as demais que passarem por aqui,uma boa noite e um final de semana abençoado.Beijinhos iluminados

4 comentários:

Tina disse...

Oi amiga!
Aqui bastante calor...meu irmão está indo pra Lisboa nestes dias, falei pra ele se preparar porque vai encontrar muito frio né?
Curte o frio...enquanto curtimos o calor...depois a gente troca rsrsrsrsrs
beijinho
Tina (SONHAR E REALIZAR)

Daniele disse...

Frio até que é gostoso.
Mas se encher de roupa, não é não.
Ficou linda sua mula!
Bj grande e muito chocolate quente pra esquentar.

KIKA ARTESANATO EM GERAL disse...

FRIO,FRIO,FRIO...DE DUER OS OSSOS,RSRSRS..NUSS..AMIGA QUE GIRO AMEI..BJUSSS

Carla disse...

Olá Mónica, obrigada por visitares e comentares lá no meu cantinho.
Já dei uma visa de olhos pelo teu blog, e pelo que vi entendo que é muito talentosa e que tens gosto pela casa.
Tem graça que a minha sogra também faz uns casaquinhos desses para as netas, mas não tinha ideia que lhe chamavam mula... hehe

Beijinhos ;)

Carlos Drumond de Andrade escreveu:

"Casa arrumada é assim:Um lugar organizado, limpo, com espaço livre pra circulação e uma boa entrada de luz.Mas casa, pra mim, tem que ser casa e não um centro cirúrgico, um cenário de novela.Tem gente que gasta muito tempo limpando, esterilizando, ajeitando os móveis, afofando as almofadas...Não, eu prefiro viver numa casa onde eu bato o olho e percebo logo:Aqui tem vida...Casa com vida, pra mim, é aquela em que os livros saem das prateleiras e os enfeites brincam de trocar de lugar.Casa com vida tem fogão gasto pelo uso, pelo abuso das refeições fartas, que chamam todo mundo pra mesa da cozinha.Sofá sem mancha?Tapete sem fio puxado?Mesa sem marca de copo?Tá na cara que é casa sem festa.E se o piso não tem arranhão, é porque ali ninguém dança.Casa com vida, pra mim, tem banheiro com vapor perfumado no meio da tarde.Tem gaveta de entulho, daquelas que a gente guarda barbante,passaporte e vela de aniversário, tudo junto...Casa com vida é aquela em que a gente entra e se sente bem-vinda.A que está sempre pronta pros amigos, filhos...Netos, pros vizinhos...E nos quartos, se possível, tem lençóis revirados por gente que brincaou namora a qualquer hora do dia.Casa com vida é aquela que a gente arruma pra ficar com a cara da gente.Arrume a sua casa todos os dias...Mas arrume de um jeito que lhe sobre tempo pra viver nela...E reconhecer nela o seu lugar."

Google+ Badge

A minha Lista de blogues